Fotografo: Reprodução
...
Divulgacao

Durante a Sessão Ordinária da Câmara Municipal de Vitória da Conquista (CMVC), na manhã desta sexta-feira, 25, a vereadora Viviane Sampaio (PT) criticou o projeto que autoriza a Prefeitura Municipal a contrair mais um empréstimo, dessa vez na ordem de R$ 60 milhões junto à Caixa Econômica federal. “É genérico, abstrato. Apenas traz a intenção do Poder Executivo adquirir Durante a Sessão Ordinária da Câmara Municipal de Vitória da Conquista (CMVC), na manhã desta sexta-feira, 25, a vereadora Viviane Sampaio (PT) criticou o projeto que autoriza a Prefeitura Municipal a contrair mais um empréstimo, dessa vez na ordem de R$ 60 milhões junto à Caixa Econômica federal. “É genérico, abstrato. Apenas traz a intenção do Poder Executivo adquirir valores de empréstimo da Caixa Econômica federal, não traz detalhamento em relação a quem será beneficiado, como valor, nem início das obras. Nem sequer um projeto tem”, apontou. “Quanto, como e quem serão beneficiados?”, questionou a parlamentar.
 
A líder da Bancada de Oposição disse que não é viável dar um”cheque em branco” ao prefeito Herzem Gusmão. “A Oposição não vai dar um cheque em branco para o prefeito que vem cometendo o maior estelionato eleitoral que ocorreu aqui nos últimos anos. Caminharemos com responsabilidade”, disse Sampaio.
 
Ainda em seu pronunciamento, Viviane disse que o devido planejamento previsto em lei evitará confusão no uso dos recursos. “Quando não há diálogo, transparência em um projeto tão importante, que traria benefícios, pode simplesmente trazer confusão”, analisou.
 
Dia do Servidor Público – Viviane Sampaio lembrou que na próxima segunda-feira, 28, será comemorado o Dia do Servidor Público. Ela ponderou, no entanto, que os servidores públicos municipais têm pouco a comemorar. “Infelizmente, em nosso município, os servidores públicos têm pouco a comemorar devido às mazelas do prefeito Herzem Gusmão”, disse ela, lembrando que reiteradas vezes os servidores municipais precisam procurar a Câmara para garantir ao menos o mínimo diálogo com o Governo Municipal. valores de empréstimo da Caixa Econômica federal, não traz detalhamento em relação a quem será beneficiado, como valor, nem início das obras. Nem sequer um projeto tem”, apontou. “Quanto, como e quem serão beneficiados?”, questionou a parlamentar.
 
A líder da Bancada de Oposição disse que não é viável dar um”cheque em branco” ao prefeito Herzem Gusmão. “A Oposição não vai dar um cheque em branco para o prefeito que vem cometendo o maior estelionato eleitoral que ocorreu aqui nos últimos anos. Caminharemos com responsabilidade”, disse Sampaio.
 
Ainda em seu pronunciamento, Viviane disse que o devido planejamento previsto em lei evitará confusão no uso dos recursos. “Quando não há diálogo, transparência em um projeto tão importante, que traria benefícios, pode simplesmente trazer confusão”, analisou.
 
Dia do Servidor Público – Viviane Sampaio lembrou que na próxima segunda-feira, 28, será comemorado o Dia do Servidor Público. Ela ponderou, no entanto, que os servidores públicos municipais têm pouco a comemorar. “Infelizmente, em nosso município, os servidores públicos têm pouco a comemorar devido às mazelas do prefeito Herzem Gusmão”, disse ela, lembrando que reiteradas vezes os servidores municipais precisam procurar a Câmara para garantir ao menos o mínimo diálogo com o Governo Municipal.