Fotografo: Divulgação/Seagri
...
Sem Legenda

Com mais de 200 mil toneladas produzidas entre 2017 e 2018, a Bahia tem liderado a produção de cacau no Brasil, em uma disputa concorrida com o Pará, que é o segundo maior produtor do país. E, neste ano, a previsão é de que o estado seja destaque nacional novamente.
 
Em 2017, a Bahia teve 88,6 mil toneladas do fruto, enquanto o Pará somou cerca de 57 mil. Em 2018, a produção baiana chegou a 122,6 mil toneladas e a paraense ficou perto em 116,1 mil. Neste ano, a previsão é que o Pará chegue a 113 mil toneladas e a Bahia mantenha a produção perto de 120 mil.
 
A maior parte do cacau baiano sai do litoral sul, que ainda lida com a devastação da praga conhecida como vassoura de bruxa. Os produtores tiveram que reinventar as fazendas e apresentaram bons resultados com as mudanças.
 
Conforme publicação do G1, no ano passado, a Bahia respondeu por 41% das exportações de cacau e seus derivados. O estado vendeu mais de US$ 1,1 milhão. Ilhéus lidera esse ranking, e, graças ao cacau, aparece como o décimo município baiano que mais vende a outros países.