Fundado pelo jornalista Tico de Oliveira em 12 de junho de 1987 - E-mail: jornalimpactoconquista@gmail.com

Cidadão Repórter

77 98839-2585
Vitória Da Conquista(BA), Sexta-Feira, 21 de Janeiro de 2022 - 17:10
13/01/2022 as 16:44 | Por GOV.BR |
Brasil recebe primeiras doses pediátricas da vacina Covid-19 da Pfizer
Cerca de 1,2 milhão de doses do imunizante serão distribuídas para Estados e DF nos próximos dias
Fotografo: Myke Sena
Sem Legenda

s primeiras doses pediátricas de vacinas Covid-19 para imunização de crianças de 5 a 11 anos chegaram ao Brasil nesta quinta-feira (13). O lote de 1,2 milhão de doses da Pfizer (Comirnaty) será distribuído para estados e Distrito Federal nos próximos dias, de forma proporcional ao número de crianças em cada unidade da Federação. A imunização desse público não será obrigatória e deve começar pelo grupo prioritário, como crianças com comorbidades e deficiências permanentes.
 
Essa é a primeira remessa das 4,3 milhões de doses pediátricas da farmacêutica americana que devem ser entregues ao Governo Federal ainda em janeiro. O primeiro voo, operado por um Boeing 767 da LATAM Cargo, pousou no Aeroporto de Viracopos, em Campinas (SP). Após o desembarque, as doses foram encaminhadas para o Centro de Distribuição do Ministério da Saúde em Guarulhos (SP), onde serão submetidas aos processos de controle de qualidade e temperatura.
 
O ministro da Saúde, Marcelo Queiroga, foi a Guarulhos acompanhar de perto a chegada dos imunizantes. Na ocasião, ele destacou que, até o final de março, o país deve contar com 20 milhões de doses da vacina infantil, e a vacina poderá ser aplicada nos filhos dos pais que assim desejarem atendendo aos critérios estabelecidos pela Anvisa.
 
“Apesar de recente, essas vacinas têm sido aplicadas nos principais sistemas de saúde do mundo. Mais de 8 milhões de doses foram aplicadas nos Estados Unidos, e nas crianças de 5 a 11 anos não têm sido notificados eventos adversos maiores. Portanto, até o que nós sabemos de momento, existe segurança atestada não só pela Anvisa mas também por outras agências regulatórias”, acrescentou o ministro.
 
Ao todo, o Ministério da Saúde já encomendou 20 milhões de doses dos imunizantes. A previsão é que todas sejam entregues no primeiro trimestre. Além das unidades de janeiro, 7,3 milhões devem ser entregues em fevereiro e outras 8,4 milhões em março.
 
Imunização de crianças
A inclusão de crianças no Plano Nacional de Operacionalização da Vacinação contra a Covid-19 (PNO) foi anunciada na última semana. Para 2022, o Governo Federal assinou um contrato para aquisição de mais de 100 milhões de doses da Pfizer.
 
Para a imunização desse público será necessária a autorização dos pais. No caso da presença dos responsáveis no ato da vacinação, haverá dispensa do termo por escrito. A orientação da Pasta é que os pais procurem a recomendação prévia de um médico antes da imunização.
 
O esquema vacinal para crianças terá o intervalo de oito semanas. O imunizante tem dosagem e composição diferentes da que é utilizada na dose para os maiores de 12 anos. A vacina para crianças será aplicada em duas doses de 0,2 ml (equivalente a 10 microgramas). A tampa do frasco da vacina virá na cor laranja, para facilitar a identificação pelas equipes de vacinação e também pelos pais, mães e cuidadores que levarão as crianças para serem vacinadas.
 
Ao todo, o Governo Federal distribuiu mais de 390 milhões de doses de vacinas Covid-19. Dessas, mais de 335 milhões foram aplicadas, sendo 161,8 milhões de primeira dose e 144,8 milhões de segunda dose ou dose única da vacina. Além disso, mais de 16 milhões de pessoas receberam a dose de reforço ou adicional contra a Covid-19.




Notícias Relacionadas





Entrar na Rede SBC Brasil