Fundado pelo jornalista Tico de Oliveira em 12 de junho de 1987 - E-mail: jornalimpactoconquista@gmail.com

Cidadão Repórter

77 98839-2585
Vitória Da Conquista(BA), Terça-Feira, 30 de Novembro de 2021 - 18:39
19/10/2021 as 19:54 | Por Da Redação/CMVC |
Comissão Fiscal de Obras da Via Bahia promete mobilizar comunidade por demandas do Anel Rodoviário
A Comissão é composta pelos vereadores Fernando Jacaré (PT), Adinilson Pereira (MDB), Edjaime Rosa Bibia (MDB), Hermínio Oliveira (PODE) e Valdemir Dias (PT).
Fotografo: Ascom/CMVC
Sem Legenda

Na tarde desta terça-feira, 19, a Comissão Parlamentar de Intervenções Rodoviárias e Fiscalização de Obras da Via Bahia, da Câmara Municipal de Vitória da Conquista, participou de uma nova reunião com o Procurador da República, André Sampaio Viana, no Ministério Público Federal (MPF). O encontro discutiu os desdobramentos desse trabalho que a Comissão vem executando, em diálogo contínuo com o Ministério Público Federal, Polícia Rodoviária Federal, Prefeitura Municipal de Vitória da Conquista e lideranças comunitárias.
 
 
A reunião começou com apresentação de uma reportagem, elaborada pela Assessoria de Comunicação da Câmara Municipal, pautando os principais problemas enfrentados pela população, devido à falta de infraestrutura, como viadutos e passarelas, no Anel Rodoviário da cidade. Em seguida, o vereador Fernando Jacaré (PT) elencou alguns avanços já alcançados com as articulações feitas por esse Colegiado e voltou a criticar a lentidão da Via Bahia em solucionar demandas apresentadas pela comunidade. “Já conseguimos a iluminação do trecho dos Campinhos e conquistamos agora a iluminação do trecho que dá acesso aos conjuntos habitacionais Vila Bonita e Vila Sul. No entanto, outras demandas existem e não há previsão de quando elas serão atendidas, como a construção dos cinco viadutos em torno do Anel Viário”, afirmou.
 
O Procurador da República, André Sampaio Viana, ressaltou que todas as ações têm sido sentenciadas pelo judiciário e enfatizou a importância de se fazer o enfrentamento, com a mobilização de toda comunidade. “Esse debate precisa ter a participação da comunidade e os nossos esforços devem ser para garantir a acessibilidade e segurança de todas essas pessoas”, defendeu. 
 
Nesse sentido, o vereador Valdemir Dias (PT) voltou a sugerir a instalação de semáforos em locais com maior incidência de acidentes. Porém, o coordenador de Planejamento e Projetos da Semob, Rafael Celino, informou que a prefeitura não possui nenhum estudo para implantação de semáforos ao longo do Anel Viário. Ele alegou que a prefeitura não tem responsabilidade jurídica de administração dessa rodovia e falou ainda do alto custo de implantação do semáforo. “Vamos discutir com a secretária de Mobilidade Urbana, Tônia Rocha, a possibilidade de fazermos um estudo de viabilidade técnica para que essa demanda possa ser atendida”, afirmou.
 
Presidente da Comissão, o vereador Fernando Jacaré relatou os recentes acidentes ocorridos ao longo do Anel Viário, destacando a morte de duas pessoas no último final de semana. Além disso, falou também dos transtornos que os constantes congestionamentos vêm causando aos moradores da Urbis VI e bairros adjacentes. “Estamos no limite. Enquanto presidente da Comissão, estamos pleiteando uma agenda com o ministro de Infraestrutura, Tarcísio Freitas, para tratarmos dessas demandas que a Via Bahia insiste em negligenciar. Precisamos de algo mais concreto”, afirmou.
 
O vereador Adinilson Pereira (MDB) criticou as ações da Concessionária Via Bahia, afirmando que essas iniciativas não contemplam os anseios da população. “A Via Bahia só tem pintado meio-fio”, ironizou o vereador, citando os transtornos enfrentados pelos moradores do bairro Lagoa das Flores.
 
A próxima reunião da Comissão Parlamentar de Intervenções Rodoviárias e Fiscalização de Obras da Via Bahia está prevista para acontecer no dia 25 de novembro, às 14h, na sede da Associação de Moradores do Miro Cairo.
 
A Comissão é composta pelos vereadores Fernando Jacaré (PT), Adinilson Pereira (MDB), Edjaime Rosa Bibia (MDB), Hermínio Oliveira (PODE) e Valdemir Dias (PT).




Notícias Relacionadas





Entrar na Rede SBC Brasil