Fotografo: Reprodução
...
Sem Legenda

A pedido dos vereadores municipais, a Prefeitura de Vitória da Conquista abriu as portas da Central de Videomonitoramento. Na tarde desta quinta-feira (12), o secretário de Mobilidade Urbana, Jackson Yoshiura, recepcionou os membros do Poder Legislativo e esclareceu passo a passo o funcionamento da fiscalização de trânsito por meio das câmeras instaladas no centro da cidade. Todos os vereadores foram convidados a participar do encontro.
 
“Nós, como vereadores, fiscalizadores do Poder Executivo, pudemos constatar hoje como funciona a central de monitoramento, o cuidado que os agentes têm em relação ao trânsito e à mobilidade do nosso município. Então, muitos discursos de ‘indústria de multa’, de que muitas pessoas estão sendo multadas indevidamente, realmente caíram por terra hoje, porque nós percebemos que os agentes trabalham de uma forma muito cuidadosa e diligente com a real necessidade de ordenar o trânsito da nossa cidade”, avaliou o vereador Edivaldo Ferreira Junior (MDB).
 
Atualmente, a Central monitora 22 câmeras espalhadas pelo centro de Vitória da Conquista. “O videomonitoramento hoje autua basicamente veículos em situação de estacionamento ou parada irregular, conversão, infrações que causam certo travamento no trânsito, que criam obstáculos para a fluidez do trânsito. Esse é o objetivo nosso: que a gente tenha um trânsito com mais fluidez e segurança”, garante o secretário de Mobilidade Urbana, Jackson Yoshiura. “É muito importante a presença dos vereadores aqui, a gente fica satisfeito e espera que, em uma próxima visita, a gente tenha ainda mais vereadores”, completa.
 
Em um segundo momento, a comitiva foi até a Secretaria de Mobilidade Urbana para conhecer dados sobre infrações de trânsito e autuações no município. Em paralelo a isso, foram apresentados índices de infrações em outros países, que declinaram após o investimento em tecnologia de fiscalização eletrônica. Dessa forma, foi ilustrada a importância da Central de Videomonitoramento como primeiro passo para trazer essa realidade para Vitória da Conquista.