Fotografo: Ilustrativa
...
Sem Legenda

A guarnição do PETO 77, após denúncia anônima, dando conta ,que na Rua Uruguaiana no bairro Alto Maron, um indivíduo que a Cunha o vulgo de tatu estaria cometendo assaltos no bairro, além de ter instalado uma boca de fumo tirando a paz e o sossego dos moradores de bem. Em posse das informações os militares foi até o local para prender  o indivíduo, porém no momento do cerco tatu para tentar fugir começou a atirar contra a guarnição, houve um confronto onde os policiais reagiram a injusta agressão alvejando o elemento o qual foi baleado e encaminhado ao Hospital de Base lá no resistindo vindo a óbito. Tatu era ex presidiário.