Fundado pelo jornalista Tico de Oliveira em 12 de junho de 1987 - E-mail: jornalimpactoconquista@gmail.com

Cidadão Repórter

77 98839-2585
Vitória Da Conquista(BA), Segunda-Feira, 27 de Setembro de 2021 - 03:31
03/08/2021 as 01:52 | Por BNews | 432
Conselho de turismo repudia ofensas de Fábio Vilas-Boas contra chef e pede providências
Políticos repudiaram a atitude de Vilas-Boas.
Fotografo: Divulgação
Sem Legenda

O Conselho Baiano de Turismo (CBTUR) divulgou uma nota (confira nota completa mais abaixo) repudiando as ofensas do secretário da Saúde da Bahia, Fábio Vilas-Boas, contra a chef Angeluci Figueiredo, que vieram à tona nesta segunda-feira (2), e pedindo que o governador Rui Costa tome providências.
 
“A chef foi agredida, imperdoavelmente, por parte de um secretário que deveria dar exemplo e respeito. A instituição é contra qualquer atitude misógina, preconceituosa, machista e elitista vinda de qualquer
direção e se põe ao lado da empresária”, diz trecho da nota.
 
Foi vazada na imprensa uma conversa de Vilas-Boas com a chef. No diálogo, ele chama Figueiredo de “vagabunda” por ter agendado um almoço no restaurante Preta, na Ilha dos Frades, mas ter encontrado o estabelecimento fechado.
 
“O Secretário Fábio Vilas Boas, mais uma vez, tentou impor sua vontade, perante o bom senso, a razoabilidade e a ciência”, diz outro trecho da nota divulgada pelo CBTUR.
 
Mau tempo
"Esqueça de me ver de novo aqui. E ainda paguei 350 reais pra desembarcar... Recebe 30 mil de mesada de Suarez e não precisa trabalhar", diz. "Amigo o caralho! Vagabunda", completa o secretário.
 
A Capitania dos Portos, em virtude da instabilidade do tempo e das variações do vento na Baía de Todos os Santos, no fim de semana, recomendou a restrição de navegação em todo o entorno, incluindo a Ilha dos Frades. Com isso, a chef explica que o restaurante ficou fechado e cancelou o atendimento. 
 
Após a repercussão negativa, o secretário publicou um texto nas redes sociais pedindo desculpas à chef. Políticos repudiaram a atitude de Vilas-Boas.
 
Confira abaixo a nota completa da CBTUR:
O CBTUR - Conselho Baiano de Turismo - repudia veementemente os atos ofensivos, desrespeitosos e truculentos manifestados pelo Secretário de Saúde do Estado da Bahia, Fábio Vilas Boas, no infeliz episódio ocorrido no último domingo, 01 de agosto de 2021, contra a empresária Angeluci Figueiredo, do Restaurante Preta. Tal atitude não pode permanecer impune!
 
A chef foi agredida, imperdoavelmente, por parte de um secretário que deveria dar exemplo e respeito. A instituição é contra qualquer atitude misógina, preconceituosa, machista e elitista vinda de qualquer direção e se põe ao lado da empresária. Acreditamos no respeito mútuo e não toleramos mais sermos desrespeitados por aqueles que colocam posições de poder que ocupam acima do que é o certo e o errado.
 
O Secretário Fábio Vilas Boas, mais uma vez, tentou impor sua vontade, perante o bom senso, a razoabilidade e a ciência. O ato extrapolou qualquer limite de respeito, humilhando e ameaçando não somente a Chef Angeluci Figueiredo, mas todas as mulheres trabalhadoras e empreendedoras.
 
O CBTUR não poupará esforços para combater quaisquer atitudes desta natureza e não tolerará, em nenhuma hipótese, tais práticas.
 
A instituição não aceita nenhum tipo de violência, e pede providências ao governador do Estado da Bahia, Rui Costa.
 
Esperamos que o acontecido tenha o fechamento justo e necessário que merece! 




Notícias Relacionadas





Entrar na Rede SBC Brasil