Fotografo: Repordução/PMVC
...
Sem Legenda

Na tarde dessa quinta-feira, 13, representantes da Prefeitura de Vitória da Conquista participaram de um importante encontro no Ministério da Defesa, em Brasília, que define um novo formato dentro do Programa Forças no Esporte. O projeto piloto tem o intuito de beneficiar as 218 cidades que têm unidades do Tiro de Guerra – atualmente o programa atende apenas municípios que abriga Batalhões ou Quartéis do Exército brasileiro.
 
A reunião foi comandada pelo general Jorge Antonio Smicelato, diretor do Departamento de Desporto Militar do Ministério da Defesa, e contou com a presença de representantes dos ministérios da Cidadania, da Mulher, Direitos Humanos e Família e dirigentes nacionais da Fundação Banco do Brasil. O assessor especial do Gabinete Civil, Mateus Novais, e o secretário da Transparência e Controle, Diego Gomes, que também acumula a Secretaria de Comunicação, representaram o prefeito Herzem Gusmão no encontro.
 
“Além de discutir e apresentar ideias para melhor execução deste novo formato do programa, mostramos que Vitória da Conquista está pronta para ser a unidade piloto”, esclareceu Diego Gomes. “Nosso intuito é beneficiar crianças e adolescentes da Rede Municipal de Ensino que moram no entorno do Tiro de Guerra, para isso, temos equipamentos bem estruturados, como o Estádio Municipal Edvaldo Flores e a Praça CEUs”, completou o secretário.
 
Ao final do encontro, uma visita de representantes do Ministério da Defesa e da Fundação Banco do Brasil a Vitória da Conquista ficou de ser agendada para avaliar a possibilidade de início do novo formato do Programa ainda no primeiro semestre de 2019.
 
PROFESP – O Programa Forças no Esporte (PROFESP) realiza atividades sociais desenvolvidas pelo Ministério da Defesa, destinado ao atendimento de crianças e jovens, com idade entre 6 e 18 anos, em situação de vulnerabilidade social. No contra-turno escolar, os alunos atendidos pelo Programa participam de atividades esportivas, aulas de reforço escolar e palestras com foco na Saúde e Civilidade.
 
A iniciativa contribui para redução da evasão escolar e melhoria dos resultados educacionais, além de promover valores de ética, disciplina e da cidadania. O Profesp está presente em 97 municípios de todas as unidades da Federação e envolve 158 organizações militares. No total são atendidas cerca de 23 mil crianças e jovens.