Fotografo: Reprodução/Globo
...
Sem Legenda

Em nota divulgada na tarde desta quinta-feira (27), a Globo afirma que as imagens do encontro de Emilly Araújo com uma advogada e um médico da emissora durante o Big Brother Brasil (BBB17), vazadas na noite de quarta-feira (26) - veja abaixo - são as mesmas que a empresa entregou "às autoridades competentes" em cumprimento uma determinação judicial este ano.
 
As imagens foram enviadas em resposta a uma ação judicial que Marcos Harter move contra a Globo, de acordo com o site Notícias da TV. O médico entrou com um processo por danos morais contra a emissora, em que pede indenização de R$ 750 mil. A ação foi distribuída à 28ª Vara Cível de São Paulo no dia 20 de fevereiro. Nela, Harter argumenta que sua imagem foi prejudicada pela emissora ao ser expulso do BBB17.
 
Segundo o colunista Mauricio Stycer, de Uol, a nota divulgada pela Globo nesta quinta-feira diz o seguinte: "A Globo tem rígidas medidas de segurança da informação constantemente revistas. No caso específico dessas imagens, em cumprimento a uma determinação judicial, elas foram entregues às autoridades competentes na ação movida pelo ex-participante do BBB, Marcos Harter, contra a Globo."
 
Harter também divulgou uma nota sobre as imagens vazadas, na qual faz acusações contra Emilly e a Globo. Ele diz que foi agredido pela participante e critica a emissora por não mostrar isso no programa. Tanto Emilly quanto a Globo tomaram conhecimento das acusações de Harter, mas informaram ao colunista do Uol que não pretendem responder.
 
Na nota, Harter diz o seguinte: "Eu saí do programa com meus braços cheios de marcas das unhas de Emilly e isso nunca foi levado em consideração, além das outras agressões que ela fez contra mim, e isso nunca foi abordado pela Globo. Se de fato Emilly foi agredida, por que as mais de 200 câmeras do programa não conseguiram registrar tais cenas e estas nunca vieram ao público? Garanto que nunca virão; pois não existem."
 
Emilly estuda ação judicial contra Harter
Campeã do BBB 17, Emilly Araújo se surpreendeu com as declarações do médico Marcos Harter, divulgadas nesta quinta-feira (27), acusando-a de agressão contra ele durante o reality show, diz Mauricio Stycer.
 
O advogado dela, Paulo Victor Lima, enviou ao colunista uma nota dizendo que enxerga uma "verdadeira campanha vexatória contra a honra de Emilly" e sinaliza que a ex-participante decidiu mover uma ação judicial contra Harter.
 
"Lamentável a postura adotada pelo Dr. Marcos, o qual continua com uma verdadeira campanha vexatória contra a honra de Emilly ao proferir acusações levianas e sem nenhum lastro probatório", diz o texto. "Harter não pode contorcer seu direito de defesa para proferir ataques contra Emilly. Todas as medidas judiciais possíveis serão adotadas para romper com este círculo pernicioso", completa.
 
Vídeo vazado é verdadeiro
Nesta quarta-feira (26), vazou nas redes sociais o vídeo em que Emilly Araújo é chamada no confessionário para ser alertada pela produção do programa sobre possíveis agressões cometidas por Marcos Harter.
 
Na gravação, Emilly está sentada em uma cadeira quando chega uma advogada da Tv Globo chamada Raquel. Ela fala para a sister “A Delegacia de Atendimento á Mulher sugeriu que nós viéssemos aqui lhe alertar e dizer a você como mulher você tem direito, caso queira, a medidas protetivas de urgência. Então se for de seu interesse, a qualquer momento que você se sentir ameaçada ou agredida, você pode solicitar medidas protetivas contra o Marcos.”
 
A gaúcha então responde que no momento não deseja pedir medidas protetivas contra o médico “Não, inclusive isso é uma coisa que eu quero conversar com ele porque o que aconteceu foi grave. As vezes eu prefiro fechar meus olhos para situações como essa. Quando eles me alertaram que estavam preocupados com as atitudes dele comigo, eu decidi ficar mais quieta, decidi que mesmo que eu ache que esteja errado eu não vou falar pra ele não agir mais daquela forma.”
 
A advogada então voltou a alertar a participante de seus direitos “A partir de agora se você decidir que não deseja que ele se aproxime de você, você tem esse direito. Enquanto se sentir ameaçada ou agredida, você imediatamente informe que as medidas serão tomadas em desfavor a ele.”
 
A profissional pediu então que o médico do programa entrasse no local para realizar um exame físico para garantir a integridade física da participante.
 
O médico relata que acompanha Emilly desde antes do início do programa quando ela realizou exames para ingressar no reality “Aqui a gente precisa de uma formalidade para entender algumas coisas que estão acontecendo com você” explicou o médico.
 
Emilly Araújo relatou que estava com algumas manchas roxas no corpo em decorrência de atitudes de Marcos Harter “Me sinto bem fisicamente. Lembra aquele roxo que eu te mostrei no meu braço? Foi o Marcos que fez. Agora já saiu, mas ainda tem um pouquinho. Ele me apertou…um beliscão.”
 
Nesse momento o médico examina e a advogada faz fotografias da lesão. Uma voz de outra pessoa pode ser ouvida, essa pessoa pergunta quando foi esse apertão. Emilly Araújo responde “Foi na festa daqueles músicos, a festa na piscina retrô. Quando a gente estava deitado naquele negócio preto em cima da hidro”
 
A sister mostra mais alguns apertões e explica “Ele apertou muito forte meu pulso, doeu bastante na hora. Eu reclamei pra ele que tava doendo, porque ele tava apertando muito forte meu pulso e acho que foi isso que assustou eles. Eu senti bastante dor. As vezes ele perde o controle.“
 
A vencedora do reality finalizou dizendo que apesar de tudo perdoou Marcos “Fisicamente foi só isso. Naquele dia que a gente discutiu de manhã, acho que eles ficaram assustados porque eu fiquei falando pra ele que eu não queria falar com ele, ele me forçou a falar com ele. E quando a gente deitou no chão ele segurou meu rosto e bateu minha cabeça no chão. Não ficou doendo, ele balançou minha cabeça e eu assustei com isso e eu perdoei ele. Ele começou a chorar muito e eu desculpei.”
 
Confira o vídeo na íntegra publicado por um perfil no Instagram: