Fotografo: JOHN THYS / AFP
...
Hamilton busca seu sexto título mundial de Fórmula 1

MONZA, Itália - Lewis Hamilton enfatizou sua lealdade à Mercedes nesta quinta-feira, mas cogitou a possibilidade de um dia ficar tentado a correr na glamorosa equipe de Fórmula 1 da Ferrari se as circunstâncias mudarem.

O pentacampeão mundial tem contrato com sua equipe até o final da próxima temporada, quando a modalidade deve passar por uma revolução nas regras.

- Não sei se é questão de ficar tentado, acho que é só questão de ser ou não uma parte do plano geral -, disse ele aos repórteres no Grande Prêmio da Itália, sede da Ferrari, quando indagado sobre uma futura mudança.

- Sinceramente, quando você é parte da Mercedes, é parte de uma família por toda uma vida, contanto que continue com eles, obviamente - acrescentou o britânico.

- Você tem Stirling Moss, (o falecido argentino Juan Manuel) Fangio ainda é homenageado dentro da família, e você é parte da história, e eles cuidam de você pelo resto de sua vida. Isso é importante para mim. A lealdade é uma parte muito, muito essencial

- Mas se chegar um ponto da minha vida em que decida que quero mudar, isso poderia ser uma opção em potencial. Mas não sei se é no momento.

O piloto de 34 anos venceu em Monza no ano passado, mesmo com a Ferrari dominando a primeira fileira nos treinos classificatórios, e foi vaiado quando subiu ao pódio.

A Ferrari triunfou em Monza pela última vez em 2010 com Fernando Alonso.

Hamilton chega ao final de semana com uma vantagem de 65 pontos sobre o colega de equipe finlandês Valtteri Bottas, com oito corridas ainda por disputar