Fotografo: Marcela Villar
...
Sem Legenda

O Senado aprovou reduzir em ao menos 15% os repasses dos motoristas de transporte por aplicativo às empresas até 30 de outubro de 2020. A mudança foi proposta pelo senador Fabiano Contarato (Rede-ES), que argumentou que esses profissionais estão mais sujeitos a serem contaminados pelo coronavírus. 
 
A medida permite que as empresas reduzam até mais que 15%, se desejarem. Estima-se, hoje, que elas retenham entre 0 e 40% do valor da corrida, a depender do perfil de cada viagem e rotina de programação utilizada. A proposta, entretanto, ainda precisa ser analisada pela Câmara dos Deputados.