Fotografo: Reprodução
...
Sem Legenda

Depois de negado o pedido de vistas pedido pelo Vereador David Salomão(PRTB), Os vereadores no total de 19 aprovaram o parecer da redação final do projeto Finisa (2) Mesmo depois de várias críticas feitas pelos vereadores ao projeto que vai endividar o municio em mais de 100 Mi, isso contando com os empréstimos realizados e autorizados pelo legislativo municipal de 6Mi e 45 Mi realizados no início da gestão do prefeito Herzem Gusmão.

"Esse Empréstimo pode terminar em Confusão" Declarou Márcia Viviane que cobrou em diversos discursos da gestão as prestações de contas dos empréstimos já realizados. Ainda assim votou pela aprovação. "Não podemos passar um cheque em branco para uma gestão que troca de secretários que nem troca de camisas mais do que time de futebol de partidas em partidas" Ainda assim, Valdemir votou em favor do projeto.

Os vereadores Cori e Jacaré depois de várias críticas ao executivo municipal por falta de gestão nas áreas de transporte público, saúde, educação e críticas por não ter competência de gerir os recursos financeiros do município, acabaram sendo alvo de críticas(todos vereadores citados acima são da bancada de oposição e filiados ao partido dos trabalhadores -PT) após votar  a favor viraram alvos de  desconfiança da sociedade ao penetrarem na residência do prefeito Herzem Gusmão  ao lado do presidente da Câmara Luciano Gomes (PR) este último da bancada de oposição também.

Depois de conversarem com o prefeito que está de férias, mesmo assim, assumiu, os destinos do acordo do Finisa (2) sem a caneta azul na mão, o acordo foi de caneta preta mesmo segundo os comentários nos corredores  do legislativo é  o som que rola  até ospróprios assessores legislativos criticado o acordão do empréstimo denunciado pelo Deputado Waldenor (PT) de eleitoreiro, e já com denúncias também  de intervenção do ministério público por não ter cumprido o rito da lei legislativa. (regimento interno) Denuncias de toma lá pra cá e pra lá.. O vereador Salomão fez várias afirmações neste sentindo no plenário da casa do povo citando os edis,e, declarou, ao jornal impacto que esta na cara o toma lá da cá ."vai ter festa com o dinheiro público nas próximas eleições." pontou, e continuou

" vereadores antes descendo o pau, dizendo :- No meu distrito e povoado falta tudo", Agora, frequentam a casa que Lúcio e Geddel frequentou, e hoje estão presos pela mala de dinheiro " sem dúvida, falou o vereador David Salomão ao jornal de notícias e comentários impactantes.  O vereador Bibia (MDB) disse a reportagem do jornal impacto no salão nobre da câmara de vereadores que o prefeito  Herzem (MDB) levou o presidente da casa do povo e os vereadores que tiravam onda de prefeituráveis para o terreiro dele, para ver as galinhas gordas e sentir  o galo cantando e estralando, sem chances para o executivo e legislativo?

Aqui pra nós sem rivalidade no próximo pleito para prefeito e as danças das cadeiras está avista na pirataria eleitora!!!!!

Se a relação de convivio  for exemplificada, pelos políticos nacionais, não será difícil, vermos depois de denúncias de Ai-5 de facadas por 500 mil e de desfiliações de partidos. Assistimos o presidente Jair Messias Bolsonaro e seus aliadíssimos filhos indo visitar Lula para fazer um acordo para as próximas eleições e execução de investimentos internacionais.

Mesmo com enquetes e pesquisas divulgadas com repudio da população ao endividamento da prefeitura, o parecer foi votado pela a maioria esmagadora, só o vereador David Salomão continuou coerente e seguiu o apelo popular e votou contra. Já o vereador Cicero não compareceu à sessão.

Ascom CMVC:

Na sessão desta sexta-feira, 1º, realizada na Câmara Municipal de Vitória da Conquista, os vereadores discutiram e aprovaram o parecer favorável aos projetos nº 14 e nº 15 que autorizam o Executivo Municipal a pegar um empréstimo de R$ 60 milhões do Finisa junto à Caixa Econômica Federal. Agora, o Finisa 2 segue o rito de três votações no plenário da Câmara.

Além do parecer do Finisa, os vereadores aprovaram em redação final o Projeto de Lei nº 111/2019, que autoriza o Executivo a instituir o alvará de funcionamento condicionado para o exercício de atividade econômica no município, de autoria do vereador Valdemir Dias, e em segunda votação o Projeto de Lei   nº   16/2019, que   autoriza   o município   a   conceder subvenção   social   ao   Instituto  Social Vivendo a Aprendendo (ISVA), e à Associação   Sul   Brasileira  de  Educação  e Assistência Social - ASBEAS, destinada ao fortalecimento de ações para atendimento à criança e ao adolescente.

Salomão diz que Finisa 2 pode virar “festival de farra com dinheiro público” em 2020 e que os deputados apoiados pele Prefeito Herzem Gusmão Pereira estão presos.

Na sessão desta sexta-feira (1º), o vereador David Salomão (PRTB) cobrou prestação de contas da Prefeitura Municipal sobre os recursos do Finisa 1, empréstimo de R$ 45 milhões feito junto à Caixa. Ele afirmou que a Câmara liberou o empréstimo “com esse mesmo discurso que é pra beneficiar os bairros periféricos, a população mais carente”.

Em sua fala, questionou as justificativas dos colegas para aprovar os projetos. “Eu nunca vi tanta gente boa. Eu quase chorei aqui agora com tanta preocupação com a periferia. Mas é de se desconfiar”, ironizou e ainda sugeriu que se ocupassem com outras demandas, como verificar se tem vacinas para as crianças nos postos de saúde ou vagas em UTI para quem está precisando. “Mas tá todo mundo preocupado com o progresso da cidade”, voltou a ironizar.

Salomão quer saber se alguma obra foi desde 2017, quando o Finisa 1 foi aprovado, e se a prefeitura vem pagando o empréstimo. Ele questionou o novo pedido de empréstimo. De acordo ele, o prefeito quer mais recursos, “duas vezes a quantidade das malas que foram encontradas no apartamento do amigo dele, Geddel [Vieira Lima] e Lúcio [Vieira Lima]”.

O edil também criticou o que considera incapacidade da gestão municipal em captar recursos. “Um cara que é incapaz de trazer R$ 1 real de recurso de Brasília”, detalhou. Ele ainda apontou a prática de se pagar altos salários a cargos comissionados da prefeitura. “Tudo mamando nas tetas. Mas essa conta vai chegar. Quem vai pagar? Somos nós. Todos os conquistenses”, disse. Para Salomão, o novo empréstimo poderá desencadear um “festival de farra com dinheiro público” nas eleições de 2020.

ENQUETE POSTADA NO jornalimpacto.com.br , há 55 dias. rESULTADO ABAIXO COM  156 MIL INTERNAUTAS VOTANDO

Mais de 58% não aprova.
 
ENQUETE
RESULTADO
 
 
Você ė a favor que a Câmara aprove empréstimo de 100 Milhões para a gestão Herzem Gusmão.
 
Sim, a favor
11,76%   
Não, contra
52,94%   
Não Sabe
0,00%   
Seria melhor ter projetos para o governo federal Participar com 95%.
11,76%   
Vai Endividar o município, não concordo.
5,88%   
A crise não permite mais um empréstimo
0,00%   
Os vereadores tem que pesquisar a aprovação popular do executivo.
17,65%